sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

 

Porque entre o sim e o não é só um Sopro, entre o bom e o mau apenas um Pensamento, entre a vida e a morte só um leve sacudir de panos - e a poeira do tempo, com todo o Tempo que eu perdi, tudo recobre, tudo apaga, tudo torna Simples e tão indiferente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário